DestaquePolítica

Bettoni fere a liberdade de expressão desmentindo o portal MGSnews por atraso de salários

Bettoni deseja violar a liberdade de expressão que é garantida pelo artigo quinto da Constituição Federal, um direito fundamental do homem que garante a manifestação de opiniões, ideias e pensamentos

Através do jornal “A Gazeta News”o prefeito Dirceu Bettoni se defendeu com seguinte o título: “Prefeitura de Paranhos emite nota sobre Fake News relacionada a salários”, da qual aponta que as informações deste matutino são falsas e sem fundamentos, sendo uma campanha difamatória de pessoas sem escrúpulos que, por interesse ou maldade, criam fatos mentirosos e boatos retratados num sentimento mesquinho e raso que deve ser rechaçado por todos nós.

O prefeito ainda informou aos cidadãos de Paranhos que as finanças do Município estão em ordem e não há atrasos de salários nem qualquer tipo de manifestação de descontentamento de seus servidores. Medidas para coibir essa prática criminosa já foram tomadas e os responsáveis serão punidos, certamente, na forma da lei.

O gestor municipal pontuou que depois de 4 anos de desleixo com a administração pública de nossa cidade, nossa tarefa não está sendo fácil, mas reafirmou meu compromisso com a verdade, com os funcionários públicos e com a população de Paranhos em continuar firme na reconstrução de nossa cidade.

Com essa atitude Bettoni deseja violar a liberdade de expressão que é garantida pelo artigo quinto da Constituição Federal, um direito fundamental do homem que garante a manifestação de opiniões, ideias e pensamentos sem retaliação ou censura por parte de governos, órgãos privados ou públicos, ou outros indivíduos.

No entanto, a matéria intitulada “Por incompetencia de Dirceu Bettoni novamente atrasam os salários em Paranhos” foi baseada nas informações prestadas pelo próprio gestor em entrevista por telefone ao jornalista Guilherme Pires deste portal, e o vereador Nilson Vanderlei, o Coruja utilizou a tribuna da Camara Municipal recentemente para denunciar as referidas irregularidades no atraso dos salários do funcionalismo público.

São recorrentes os erros de Dirceu Bettoni, onde os servidores sempre relatam problemas no depósito dos proventos devido a empecilhos técnicos no Banco do Brasil. Assim, rotineiramente vários funcionários não conseguem realizar os saques em espécie de valores do salário, por irresponsabilidade do atual gestor o montante nem sempre está disponível integralmente nos caixas eletrônicos, em alguns casos só há transações nas funções de pagamento e transferência.

Inclusive o assunto foi desmentido pelo ex-prefeito Júlio Cesar de Souza (PDT), que em recente contato com o Portal MGS News afirmou que deixou o comando do Paço Municipal com todas as finanças organizadas.

 

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar