NotíciasPolicial

MP abre inquérito para apurar baixo efetivo da Polícia Militar em Mato Grosso do Sul

Governo diz que não divulga o efetivo por uma questão de segurança. Sindicato dos praças da PM diz que faltam pelo menos 4 mil policiais nas ruas.

Ministério Público de Mato Grosso do Sul (MP-MS) abriu um inquérito civil para apurar o baixo efetivo da Polícia Militar do estado (PM). O edital, foi publicado na edição desta segunda-feira (4), do órgão e foi assinado pela promotora de Justiça Luciana Moreira Schenk, do Grupo de Atuação Especial de Controle Externo da Atividade Policial (Gacep).

Um levantamento da Associação de Cabos e Soldados da Polícia Militar e Bombeiros Militares de Mato Grosso do Sul (ACS/PMBM/MS), aponta que o déficit atual no estado é de 4 mil policiais militares e que a situação tem se agravado pelo elevado número de profissionais que tem pedido para entrar na reserva. A entidade destaca que com base em publicações no Diário Oficial do estado, que somente no último ano, pelo menos 600 policiais militares fizeram o requerimento.

A Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), por meio da assessoria de imprensa, informou que não pode divulgar o efetivo total da Polícia Militar do estado, pois essa informação seria um dado estratégico na política de segurança pública.

A ACS/PMBM/MS aponta que os concursos públicos poderiam ajudar a diminuir o déficit de efetivo da corporação, mas que desde 2015 o governo do estado não promove nenhum certame para a Polícia Militar, e que neste período ocorreu somente a promoção de alguns soldados que eram do concurso anterior.

Sobre a abertura do inquérito pelo MP-MS, a Sejusp informou que recebeu um ofício sobre esse inquérito, mas desconhece esse estudo do déficit de policiais. Nesta segunda-feira (4), às 15h (de MS), haverá uma reunião entre Ministério Público e Sejusp para tratar desse assunto.

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar