DestaquePolicial

MPE confirma saída de promotor da coordenação do Gaeco e convoca coletiva

O coordenador do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) Marcos Alex Vera, deixará mesmo o cargo. A confirmação foi feita neste sábado (26), pelo MPE-MS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul), que convocou coletiva de imprensa para segunda-feira (28), com o objetivo de apresentar detalhes sobre sua saída.SAIBA M

Ainda não foi informado se o promotor deixará somente a coordenação ou o Gaeco. Estes detalhes serão apresentados durante a coletiva, afirma o MPE. Ele se tornou conhecido pela Operação Coffee Break, que resultou no pedido de prisão de novo vereadores, empresários e o vice-prefeito, afastado das funções de prefeito, Gilmar Olarte (PP)

Questionado sobre rumores de que o promotor iria para o governo, a convite do governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), a assessoria de comunicação do MPE não confirmou, ao dizer que a probabilidade é que Marcos Alex ocupe cargo em outra promotoria.

Marcos Alex ficou famoso por conta da Coffee Break, que apura suposta compra de votos para cassar o mandato do prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP). Ele conseguiu prender Olarte e deter os vereadores Paulo Siufi (PMDB), Mario Cesar (PMDB), Edil Albuquerque (PMDB), Jamal (PR), Airton Saraiva (DEM), Carlão (PSB), Chocolate (PTB), Gilmar da Cruz (PRB) e Edson Shimabukuro (PTB), além de pedir a condenação de figuras como o ex-governador André Puccinelli (PMDB) e o ex-prefeito Nelsinho Trad (PMDB), por conta da cassação de Bernal.

O relatório sobre a investigação já foi entregue ao Procurador-Geral de Justiça, Humberto Brites, que deve decidir, até o começo do ano que vem, se apresenta a denúncia à Justiça, se pede mais deliberações ao Gaeco ou se arquiva a apuração.

Em apoio ao promotor, um grupo está organizando um “abraço cívico” na sede do Gaeco, no domingo (27), às 10 horas. Na mensagem divulgada no Facebook, o grupo diz que o movimento é em “apoio ao promotor Marcos Alex Vera, coagido por sua bravura, pela facção criminosa de MS”.

 

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar