Região

Filho de policial é agredido por assaltantes durante cárcere privado

Jovem e a mãe ficaram em poder de bandidos por quase duas horas

Mecânico, de 26 anos, foi agredido e mantido em cárcere privado, juntamente com a mãe, de 53, em roubo ocorrido na noite de ontem (16), na casa onde moram, na Rua Manoel Padial, no Parque Residencial Maria Aparecida Pedrossian, em Campo Grande.

O pai do jovem, de 55 anos, que é policial militar da reserva, contou à reportagem do Portal Correio do Estado que as vítimas ficaram cerca de duas horas em poder dos criminosos. Segundo ele, a ex-esposa e o filho foram surpreendidos pelo trio quando chegavam à residência. Sob a mira de armas, foram levados para o lado de dentro, onde o jovem foi amarrado e agredido com várias coronhadas na cabeça.

Conforme declarações, a todo momento os bandidos pediam dinheiro e joias. Fugiram levando dentro do carro da família, modelo Palio,vários produtos eletrônicos como, televisores, data show, impressora e três telefones celulares.

Ainda de acordo com relatos, o automóvel estava parado na frente da casa e os assaltantes entraram com ele na garagem e pegaram todos os objetos. “Dois fugiram no carro e um ainda permaneceu com minha família durante cerca de 40 minutos e fugiu a pé”, lembra o PM da reserva que é separado e mora em outro endereço.

Devido às agressões, o jovem precisou de atendimento médico.Nenhum suspeito foi preso e câmeras instaladas em casas perto do local filmaram parte da ação. Na avaliação do ex-servidor da segurança pública, o crime toma conta da cidade. “Estamos à mercê da sorte”, finaliza.

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar