sexta-feira,
17/05/2024
Mais
    InícioDestaquePromotoria vai acompanhar execução 15 mil cirurgias eletivas em Mato Grosso do...

    Promotoria vai acompanhar execução 15 mil cirurgias eletivas em Mato Grosso do Sul

    O Ministério Público de Mato Grosso do Sul abriu instaurou procedimento administrativo para acompanhar a execução das cirurgias eletivas. Em MS, são mais de 15 mil pacientes aguardando pelos procedimentos.

    Conforme portaria publicada no Diário Oficial, o MPMS vai acompanhar os procedimentos realizados pelo programa “Mais Saúde, Menos Fila”, lançado neste mês.

    A promotora Daniella Costa da Silva, da 32ª Promotoria de Justiça, pontua a necessidade acompanhar a realização das cirurgias e também de cirurgias plásticas corretivas “antibullying” pelo programa, especialmente como a observância de eventuais filas de espera por tais procedimentos’.

     

    “Considerando a existência de demanda reprimida na fila da regulação hospitalar para realização de procedimentos cirúrgicos eletivos de média e alta complexidade identificados no banco de dados dos complexos reguladores”, diz trecho da publicação.

    A promotoria agora vai acompanhar as ações e medidas que serão executadas pela Gestão Municipal de Saúde de Campo Grande e pela Gestão Estadual de Saúde para operacionalização do Plano Estadual de Redução das Filas de Cirurgias Eletivas e ampliação do acesso aos procedimentos cirúrgicos e exames com finalidade diagnóstica no âmbito do SUS no Estado de Mato Grosso do Sul e nesta Capital, por meio do Projeto.

    São 15.044 cirurgias eletivas das especialidades de oftalmologia, otorrinolaringologia, vascular, entre outras. Há também na fila 42.568 exames diagnósticos de ressonância magnética, tomografia, endoscopia, entre outros

     

     

    Mais Lidas