DestaqueEldoradoNotíciasPolicial

Em Eldorado, ex faz mulher refém por 2h para pegar celular e espalhar fotos íntimas

Dizendo que iria “manchar a reputação” da ex-companheira, um homem de 26 anos sequestrou a mulher para conseguir pegar o celular da vítima e espalhar fotos íntimas na cidade de Eldorado. A mulher foi mantida presa no próprio carro por mais de duas horas e ameaçada com um canivete na noite de quarta-feira (25). O suspeito acabou preso.

Informações da Polícia Civil, que constam em boletim de ocorrência, são de que a vítima de 35 anos manteve um relacionamento de oito meses com o suspeito, mas acabou terminando após ser agredida por ele. Inclusive, a mulher chegou a registrar boletim de ocorrência e tem medidas protetivas em vigor.

Após o término, o homem se mudou para Cascavel (PR), onde ficou por um período, retornando há poucos dias para Eldorado. Ele então passou a procurar a vítima, estabelecendo uma relação aparentemente amigável, se mostrando arrependido, frequentando grupos religiosos, mantendo contato apenas por conversas sem maior importância.

Então, na quarta-feira, o autor procurou a vítima e pediu o carro emprestado, alegando que iria até o antigo serviço receber uma quantia em dinheiro. A mulher então emprestou o veículo. Por volta das 16h30, a vítima entrou em contato com o ex, pedindo que ele devolvesse o carro porque precisava usar.

Ao chegar, o homem se recusou a sair do veículo e de posse de um canivete, afirmando que mataria os filhos da mulher, ordenou que ela entrasse no carro. A mulher entrou e o homem passou a dirigir pela cidade, obrigando que ela desbloqueasse o celular para que ele vasculhasse.

Após mexer no aparelho, começou a conversar com um dos contatos e marcou encontro com um deles. A pessoa foi ao local combinado em um veículo e acabou perseguida pelo autor, que com a mão esquerda dirigia o carro e com a outra pressionava o canivete contra o pescoço da mulher, afirmando que iria matá-la.

Após ter perdido de vista o veículo que estava perseguindo, o homem foi até uma construção, em local totalmente ermo, e lá escondeu o veículo, mantendo a vítima ainda sob cárcere. Neste momento, ele falou que iria criar um perfil falso em uma rede social com fotos pornográficas da vítima para “manchar sua reputação perante a comunidade”. Foram mais de duas horas sob a mira do canivete, de acordo com a polícia.

Conforme a ocorrência, enquanto o autor estava com celular, se passando pela vítima em conversas com outras pessoas, a mulher aproveitou uma breve distração e fugiu pelo outro lado da construção. Em seguida, procurou a Polícia Militar.

Os militares fizeram rondas e localizaram o carro da vítima estacionado no pátio da prefeitura da cidade. O suspeito se apresentou na delegacia de Polícia Civil minutos depois e ficou preso em flagrante após confessar o crime. O caso foi registrado como ameaça, descumprimento de medidas protetivas, sequestro e cárcere privado.

 

Fonte: Jornal do Conesul

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar