DestaqueVariedades

Aos 64 anos, jornalista Guilherme Filho morre de covid-19, em Campo Grande

Referência na imprensa em todo o Mato Grosso do Sul, Guilherme estava internado desde o dia 8

Após 22 dias lutando contra a covid-19, o jornalista Guilherme Villalba Zurutuza Filho morreu na noite de ontem (30), no hospital El Kadri, em Campo Grande. Ele havia completado 64 anos no dia 23 de dezembro, quando já estava internado. Os parabéns foram cantados pela equipe do CTI.

Guilherme foi hospitalizado  no dia 8 desde mês, precisou ser intubado no dia 15, e nesta quarta-feira o estado de saúde se agravou. O jornalista também sofreu com um quadro de anemia, e precisou de transfusões de sangue.

Nesta semana familiares e amigos realizaram uma campanha de doação no Hemosul, que mobilizou mais de 50 pessoas.

Conhecido em toda imprensa regional, Guilherme Filho trabalhou no extinto Diário da Serra, comandou a comunicação do governo do Estado durante as gestões dos ex-governadores Wilson Martins e André Puccinelli. No início do ano o jornalista assumiu a direção de jornalismo da CBN Campo Grande.

Na publicação das redes sociais também foi informado que a despedida seguirá os protocolos de segurança impostos pela situação de pandemia. O sepultamento será no cemitério Parque das Primaveras.

HOMENAGEM DERRADEIRA DOS COLEGAS DE IMPRENSA E DA EQUIPE DO SITE CAMPOGRANDE NEWS

Um homem nobre, sem igual. Filho, pai, avô, tio, marido, amigo, jornalista. Cumpriu todas as missões que lhe foram dadas neste plano. Agora, olha por nós lá do alto. Vai viver o novo ano e a eternidade cercado de anjos e ao lado de Deus”, escreveu a filha, Anahi Zurutuza, que é jornalista e faz parte da equipe do Campo Grande News. – CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

 

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar