DestaqueNotíciasPolicialPolítica

Número de mortes violentas nos primeiros sete meses do ano caiu 22% em relação a 2018

Sérgio Moro frisou a necessidade de caírem ainda mais.

Um novo levantamento sobre o número de mortes violentas nos primeiros sete meses deste ano mostrou que a quantidade de mortes violentas caiu cerca de 22% em 2019 em relação ao ano passado, além de em todos estados do país alguma queda nos assassinatos ter sido registrada.

Neste ano, foram registrados 24,4 mil mortes violentas no país, 7,1 mil a menos que o registrado de janeiro a julho de 2018.

O estudo foi realizado pelo G1 em parceria com o Núcleo de Estudos da Violência da Universidade de São Paulo (NEV-USP) e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

O G1 e a GloboNews entrevistaram autoridades e especialistas da área ligada à segurança pública e chegaram às seguintes razões para a queda no índice:

  • ações mais rígidas em prisões, como constantes operações de revistas e implantação do Regime Disciplinar Diferenciado (RDD)
  • isolamento ou transferência de chefes de grupos criminosos para presídios de segurança máxima
  • criação de secretaria exclusiva para lidar com a administração penitenciária
  • criação de delegacia voltada para investigar casos de homicídios
  • integração entre as forças de segurança e justiça
  • maior investimento em inteligência policial
  • adoção de programas de prevenção social
Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar