terça-feira,
21/05/2024
Mais
    InícioDestaqueSindicatos querem agora a “cota negocial”, que não passa de um disfarce...

    Sindicatos querem agora a “cota negocial”, que não passa de um disfarce para tentar retomar imposto sindical

    Apavorados com o fim do imposto sindical, os Sindicados agora conseguiram um precedente importante no Tribunal Superior do Trabalho.

    Segundo informou o Valor, o vice-presidente da Corte, ministro Renato de Lacerda Paiva, homologou um acordo que permite à Vale descontar e fazer o repasse do equivalente a meio dia de trabalho de cada empregado ao Sindicato dos Trabalhadores em Empresas Ferroviárias dos Estados do Maranhão, Pará e Tocantins.

    Com isso a contribuição sindical ganha outro nome: cota negocial. Empregados não filiados não serão obrigados a contribuir.

    Mais Lidas