DestaquePolicial

Confronto na Fronteira entre Salto Del Guaíra e Mundo Novo.

Willian Angelo com informação de ABC Color.

Em torno de 50 pessoas que se autodenominam “sem-abrigo” esteve fechando o acesso da fronteira entre Salto e Mundo Novo nesta quinta-feira (03). Os manifestantes agiram após a prisão de um dos líderes do grupo, Pedro “Bebeto” Alfonzo.

Para impedir a passagem, queimaram pneus e se posicionaram sobre a avenida Itaipú, a 100 metros da fronteira, com barricadas, promovendo longas filas de veículos, impedidos em  entrar e sair do país vizinho.

Os membros GEO da polícia tentaram limpar a passagem, mas foram atacados com paus e pedras por manifestantes.

Segundo a polícia, a prisão de Alfonzo ocorreu em uma propriedade recentemente invadida pelo moviemnto sem-teto por volta das 10:00 na quinta-feira no bairro de San Miguel de Colonia Canindeyú, também conhecido como “September 29”. Há cerca de 50 pessoas acampadas dentro de uma propriedade pertencente ao presidente do Conselho Municipal local, Héctor Morán (ANR).

A prisão de cidadão pitoresco, vestindo um uniforme de camuflagem e carregando uma grande faca, veio quando o juiz Marta Romero chegou ao local para verificar  a invasão, sob uma liminar. “Ele começou a ameaçar a carreata tribunal de polícia, acenando para as pessoas que estavam no local, com uma enorme faca na mão, pelo que se procedeu à sua detenção,” o comissário Pedro Florentín.

“Bebeto” é um comerciante bem conhecido que está presente na maioria das invasões de propriedade de outras pessoas e se destaca como sem teto “representante nacional e internacional” e sem-terra.

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar