DestaqueVariedades

Aparições Corporais de Jesus de Nazaré após a Sua Ressurreição

O Nazareno, cumprindo na Terra um período de 40 dias após ter ressuscitado, fez aparições diversas, para reforçar a fé de alguns incrédulos e para mostrar que Ele era o Messias prometido pelos profetas, e que possui um plano de salvação para a humanidade.

Em circunstâncias muito especiais, Jesus de Nazaré apareceu a Maria, que voltara ao sepulcro e chorava. Disse a ela: Mulher, por que choras? Ela, cuidando que era o hortelão, disse-lhe: Senhor, se tu O levaste, dize-me onde O puseste, e eu o levarei. Disse-lhe Jesus: Maria! Ela, voltando-se, disse-lhe: Raboni. Disse-lhe Jesus: Não me detenhas, porque ainda não subi para meu Pai, mas vai para meus irmãos, e dize-lhes que Eu subo para meu Pai e vosso Pai, meu Deus e vosso Deus.” A segunda aparição foi a Maria, Sua mãe e a Salomé, que iam para os apóstolos. Ele permitiu ser segurado, até pelas mãos. Aos Discípulos de Emaús. Os discípulos foram Cleopas e, quase seguramente, sua esposa Maria (irmã da mãe de Jesus, que voltava de ter assistido a crucificação dias antes, em Jerusalém. A Pedro, provavelmente foi em paralelo com aparição na estrada de Emaús. A 10 dos 11 Apóstolos; Tomé estava ausente. Aos 11 apóstolos; desta vez, Tomé estava presente. Apareceu a sete apóstolos, pela terceira vez, junto ao mar da Galileia. Jesus apareceu a mais 500 irmãos. Algum dia entre o 9o e o 39o após a ressurreição. Local não especificado, provavelmente em Jerusalém. A Tiago, um meio irmão do Mestre. Só aos apóstolos, pela quarta vez. Aos apóstolos, pela quinta vez, no cenáculo. Ao diácono Estevão, durante o seu apedrejamento. Ele esteve com o apóstolo Paulo, em  sua conversão na estrada de Damasco. Novamente a Paulo,  em Corinto. Outra vez a PauloA Paulo, no Templo. Outra vez a Paulo, em Jerusalém. A Paulo, em Outra Visão. Jesus de Nazaré esteve com o apóstolo João, na ilha de Patmos, nas Visões do Apocalipse.

Conclusão – Assim como o Pai enviou-me a este mundo, assim agora Eu vos envio. Sois chamados a levar essas boas-novas até aqueles que se encontram nas trevas. Esse evangelho do Reino pertence a todos que acreditam nele; e não será entregue apenas à custódia dos sacerdotes. Logo, o Espírito da Verdade virá sobre vós, e vos conduzirá a toda a verdade. Ide, portanto, em pregação deste evangelho por todo o mundo, e considerai sempre que Eu estou convosco, até o fim dos tempos”.

Depois de haver falado assim, o Mestre desapareceu da vista de todos. Toda noite aqueles crentes permaneceram juntos ali, rememorando as próprias experiências, como crentes do Reino, e escutando as muitas palavras de Jesus e de Seus colaboradores. E todos eles acreditaram que Jesus havia ressuscitado dos mortos. E podeis imaginar a surpresa do arauto de Davi, com a nova da ressurreição, que chegou dois dias depois de tudo isso, quando eles responderam ao seu anúncio dizendo: “Sim, sabemos, pois nós O vimos. Ele surgiu aqui, aparecendo para todos nós.

 

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar