DestaquePolicial

Jovem ligou para a mãe e confessou assassinato após ameaças na internet

Ela estaria grávida

Durante depoimento na 7ª Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande, a mãe de Thamara Arguelho, de 21 anos, relatou que a jovem confessou durante uma ligação ter matado Victoria Correia Mendonça, de 18 anos, na madrugada desta terça-feira (19), na Vila Popular. A mulher disse ainda que a filha está grávida de dois meses do suspeito de ser o pivô do assassinato.

Segundo informações da delegada responsável pelo caso Rozeli Dolor Galego, durante depoimento a mãe da Thamara contou que a filha entrou em contato com ela e por telefone confessou ter matado Victória, mas que só explicaria o motivo pessoalmente. Além da mãe da suspeita a avó também foi ouvida e ambas relataram que Thamara está grávida de dois meses de um homem conhecido como ‘Boneco’, possível pivô do assassinato.

A delegada destacou que a peça chave do caso, um mototaxista que teria sido chamado por Thamara, também já foi ouvido. Ele relatou à polícia que recebeu a chamada para ir até o local onde o crime ocorreu e inicialmente a mulher teria dito por telefone que queria ser levada até o Bairro Ana Maria do Couto.

Ao chegar no local ele conta que Thamara pediu para que ele a esperasse e presenciou a conversa entre as duas. A cerca de 50 metros do local onde as duas estavam ele ressalta que Victoria ria durante a conversa. Cansado por conta da hora avançada ele teria abaixado a cabeça no guidão da moto e depois ouviu os disparos.

Na sequência Thamara teria se aproximado dele e pediu para ser levada até o Portal Caiobá, região sudoeste da Capital. No caminho para o local informado ela teria confessado para o mototaxista que havia matado Victoria. O pai da vítima e vizinhos, que reconheceram Thamara como autora através de fotos, também já foram ouvidos.

Para encerrar o caso a delegada conta que agora precisa localizar a autora e a arma usada no crime.

Entenda o caso

Victoria estava em casa quando alguém a chamou pelo nome no portão. Ao sair, ela foi atingida pelo tiro na nuca, mas segundo testemunhas foram ouvidos 5 disparos. A jovem não resistiu e morreu no local.

Equipes policiais estiveram na residência e ouviram as testemunhas, que confirmaram a versão de que a atual namorada do ex seria a responsável pelo crime.

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar