DestaquePolicial

Um pouco de Anfer e João Amorim

Parte da Operação Lama Asfáltica, deflagrada pela Polícia Federal (PF), em parceria com Controladoria Geral da União (CGU), Ministério Público Federal (MPF) e Receita Federal, em escutas telefônicas autorizadas pela Justiça, documenta o modus operandi do grupo liderado por João Amorim e desvenda os “esquemas de empreiteiras” que envolvem, além de Amorim (Proteco), os empresário João Baird ( Itel Informática), Antônio Fernando (Anfer e Financial), Luciano Dolzan (LD Construções), Elza Cristina Araújo dos Santos Amaral, funcionária e sócia de Amorim, funcionários de empresas privadas e funcionários públicos ligados ao esquema, e envolve empresas de comunicação da Capital, entre as quais a TV Morena.

A Construtora Anfer, que já atuava nos tempos do deputado Flávio Derzi, foi a responsável por obras em Japorã, quando Luiz Bezerra dos Santos era prefeito. Na época, Tribuna do Povo denunciou o desvio de finalidade em projeto de asfaltamento da rodovia 386, que ligava o município de Japorã à rodovia 163 . O processo na justiça se arrasta até os dias atuais, sendo árbitro naquele tempo o juiz Cleber Corsato Barboza, já falecido.

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar