DestaquePolítica

Senadores afastam Dilma por 55 votos a 22

O término da votação ocorreu às 5h33 (Campo Grande) da madrugada desta quinta-feira, 12 de maio. Em sessão que, após aberta, durou mais de 20 horas, os senadores debateram e votaram pelo parecer do relator Antônio Anastasia (PSDB-MG), favorável à continuidade do processo por considerar que há indícios de que Dilma praticou crime de responsabilidade. No decorrer do processo, Dilma ainda poderá ficar no Palácio do Planalto, residência oficial da Presidência da República. Temer é interinamente o presidente do país, podendo agora despachar do Palácio do Planalto e começar a montar sua equipe ministerial.

 

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar