sábado,
13/07/2024
Mais
    InícioDestaqueO Pinguim da Patagônia

    O Pinguim da Patagônia

    Há 5 anos atrás João Pereira de Souza, um pedreiro aposentado, salvou um pinguim, que agora se chama Dindim, que foi encontrado encharcado em óleo numa praia perto de sua casa no Rio de Janeiro, na Praia de Provetá. O pinguim passa cerca de oito meses na companhia de João e apenas durante quatro meses viaja de volta para sua terra natal, na Patagônia, Argentina, há cerca de 3 mil quilômetros de distância. Normalmente, nas viagens mais longas, o pinguim parte em fevereiro e retorna em junho. É emocionante ouvir o relato sobre a convivência do pinguim com o seu amigo João Pereira na Ilha Grande. Palavras não descrevem a alegria do cearense ao receber o animal, com quem fez uma amizade duradoura, e de certo modo mística.

    Mais Lidas