DestaqueVariedades

Mariângela Zan na Rede Aparecida

A cantora Mariângela Zan, que é filha do maior acordeonista brasileiro Mário Zan, estará comandando o programa “Aparecida Sertaneja” pela TV Aparecida, a partir de terça-feira, 5 de janeiro. O programa de grande audiência, era apresentado pelo padre-cantor Alessandro Campos. Ela possui muito talento na música regional brasileira, mas o desafio é grande em sua nova trajetória como apresentadora.

Mariangela Zan tem 34 anos de idade, é formada em Direito e Jornalismo. Filha do acordeonista e compositor Mário Zan, sempre sentiu interesse pela música, pois cresceu no meio artístico, entre cantores e compositores. Começou a cantar aos 13 anos de idade, fazendo backing-vocal nos shows e bailes de seu pai, por todo o Brasil. Aos 15 anos, assumiu oficialmente o vocal da banda, interpretando canções de autoria de Mario Zan e de outros compositores. Mariangela Zan diz que firmou-se como cantora profissional nos bailes pelo Brasil, pois é neste ambiente que um intérprete aprende a cantar todos os ritmos. Mariangela apresentou-se em carreira solo em diversos programas de televisão como Altas Horas e Mais Você (REDE GLOBO); Viola minha viola e Ensaio (TV CULTURA), recebendo elogios do diretor e apresentador do programa Fernando Faro, entre outros.

Os shows mais marcantes para a cantora foi período na Sala São Paulo, em Janeiro de 2004, acompanhada de orquestra, onde interpretou vários sucessos de Mário Zan e o segundo no Festival América do Sul em Corumbá, cantando canções locais pantaneiras inclusive a música “Chalana”, de autoria de Mário Zan e Arlindo Pinto. Ela gravou um CD em homenagem a seu pai Mário Zan, com composições de autoria dele (relançado em 2009), e está em carreira solo desde 2007, sempre trabalhando em Sesc’s, Praças públicas, centros culturais, destacando-se como estudiosa da cultura brasileira, do folclore e dos diversos segmentos da música popular brasileira, principalmente a música raiz. A cantora empreendeu viagens por todo o Brasil defendendo a boa música brasileira, levando muita emoção ao público,  sendo várias vezes aplaudida de pé.
Um detalhe importante na vida artística de Mariângela Zan: em dezembro de 2012 Mariangela Zan foi convidada pela Universidade Federal do Mato Grosso do Sul para uma turnê de shows para a reitoria, diretores, docentes e funcionários da Universidade, nos campus de Ponta Porã, Três Lagoas e Campo Grande. Foram belíssimas apresentações, destacando-se o memorável show no Teatro Glauce Rocha em Campo Grande com público acima da ocupação total do teatro.

Pelas qualidades musicais que possui, e ainda por representar a genuína canção do interior, Mariângela Zan acaba de receber um convite para apresentar o programa Aparecida Sertaneja da TV Aparecida, com a missão de suceder ao padre Alessandro Campos, com a proposta de trazer ao palco grandes valores da música regional, notadamente os intérpretes da música raiz, os históricos e os integrantes da nova geração.

Lembrando a excursão do pai ao pantanal entre 1943 e 1944, Mariângela informa sobre a música Chalana, que fez em parceria com Arlindo Pinto: “A canção surgiu do nosso sofrimento durante a excursão, da saudade que sentíamos, sem notícias da família”.

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar