DestaqueVariedades

MUDANÇAS ENERGÉTICAS EM DEZEMBRO

Começou no dia 30 de novembro de 2019  uma profunda transformação que vai durar nas próximas semanas

Estamos a assistir ao final de dois tempos numa mesma dimensão, é por isso que sentimos um colapso físico importante. Em muitas pessoas, o colapso não está vindo pelos sistemas de governos e os sistemas. O autêntico núcleo é o corpo físico, o colapso é reconhecer-se a si mesmo, dentro de uma estrutura que não vamos mais continuar vendo; e a mudança é interna. Este é um chamado do Grande Sol Central.

Estão carimbando o encerramento de um ciclo vital para o planeta e a grande abertura da unidade junto a outros planetas. Esta abertura é o encontro do seu Ser Solar e sua personalidade em uma vida linear concreta, dentro de um mesmo corpo físico. Esta fusão é produzida de forma natural, quando você alivia as cargas emocionais que separam seus corpos. Estão todos vocês, e Terra, nessa transição física nas próximas semanas: a separação entre realidades será ainda mais visível. A mãe natureza vai responder nesta desestruturação. E está transformando-se no seu interior, e nos transforma em contato com ela.

Neste trecho final de transformação planetária, a importância está em transformar as personalidades, chamadas ego, para alinhar e equilibrar todos os nossos cantos emocionais. É o grande trabalho que podemos oferecer a Gaia, liberar-nos do que acreditamos que somos, liberar-nos do que acreditamos que somos, liberar-nos do que cremos que se espera de nós, e nos liberar-nos para sermos nós mesmos.

Resolver as suas coisas é a prioridade, e deixar para trás os seus medos, os seus preconceitos, os seus julgamentos: quando isso for real no seu coração tomarão consciência de como tudo isso e falta realmente na realidade cotidiana, e na realidade planetária. Vocês são as células mãe de qualquer experiência de vida, se esta célula está vibrante o planeta, que seria o corpo físico, estar. Se as suas células estão desligadas pelas crenças o planeta ainda não se consolida.

Essa unidade só nasce do coração alinhado com a mente, uma mente que está no mesmo ritmo e pulso que o coração, uma criação de vida em unidade. Na mente sozinha encontramos separação exclusão, julgamento e defesa, ou seja, alguém que permanece em seu coração inclui tudo em sua vida como uma premissa: experiências, aprendizado – polaridades, porque sabe que tudo depende da sua escolha de vida e lhe nutre, como ser que caminha pela vida.

São dias aqueles em que qualquer coisa que esteja acontecendo, em qualquer dos espaços, vai impactá-los. Sai à superfície para ser resolvido. Quando focamos ou tentamos mover uma energia que não nos pertence a resposta é imediata, cada vez mais imediato, e o aprendizado mais consciente. E se nos pertence abre-se rapidamente.

(Elsa Farrus)

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar